Error

Prédio fica sem energia e doses da vacina contra covid-19 são perdidas em Rio Bananal

A Secretaria Municipal de Saúde informou que aguarda a investigação da Polícia Civil para constatar se houve ato de vandalismo no local

 

O prédio onde acontece a vacinação no município de Rio Bananal, no norte do Espírito Santo, ficou sem energia elétrica durante os dias de ponto facultativo e  o fato resultou em um problema: a perda de diversos tipos de vacinas, inclusive os imunizantes contra a covid-19, que estavam armazenados para aplicação da segunda dose nos trabalhadores da saúde, que ocorreria a partir desta quinta-feira (18). A prefeitura acredita que o local tenha sido alvo de vandalismo e acionou a Polícia Civil.

De acordo com a coordenadora de imunização do município, Márcia Venturim, a falta de energia elétrica foi constatada na manhã desta quinta, quando uma equipe fazia a limpeza do local. “Me ligaram às 5h30 dizendo que a geladeira estava apitando e o prédio estava todo sem energia. Eu vim para cá e constatei que a nossa geladeira, que está cheia de vacinas, não só de covid, mas todas as vacinas do município, estava em 23 graus. Totalmente estragado”, explicou.

Leia também: Falha em refrigeração de vacinas não afetou imunização, garante Prefeitura de Vila Velha

Por meio de uma transmissão nas redes sociais, Márcia ainda relatou que, além dos imunizantes, também foram perdidas todas as medicação controladas, que ficam em outro andar do prédio, além das coletas de sangue e os testes de covid-19, realizados no final da última semana. Eles seriam encaminhados ao Laboratório Central do Espírito Santo (Lacen).

“Essa vacina tem que ser aplicada o mais rápido possível e, a partir de amanhã (sexta-feira), já será aplicada a segunda dose nos trabalhadores da saúde. Eles não serão prejudicados”, afirmou a coordenadora.

Não ficou confirmado se, de fato, houve um ato de vandalismo no local. Segundo Marcia, as autoridades já foram acionadas para que haja uma investigação. “Fui na Policia Militar para registrar o boletim de ocorrência e estou aguardando a Polícia Civil para fazer uma investigação e descobrir se foi, realmente, um ato de vandalismo”, disse.

 

A prefeitura ainda informou que a Secretaria de Estado da Saúde já foi comunicada do ocorrido. Além das vacinas, um total de 53 kits para teste de detecção da covid-19 também foram perdidos e serão devolvidos ao Lacen. O município ainda não confirmou a quantidade e nem o tipo do imunizante perdido.

Iures Wagmaker

Redação Folha Vitória

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *