Error

Luisa Stefani alcança marca histórica em ranking de tênis feminino

Tenista ganhou cinco posições e ficou em 26º lugar entre duplistas

 

A segunda -feira (5) é histórica para o tênis brasileiro. Na atualização semanal do ranking mundial da Associação de Tênis Feminino, Luisa Stefani ganhou cinco posições e subiu para o 26º lugar entre as duplistas, tornando-se a jogadora do país mais bem colocada desde a criação da lista, em novembro de 1975.

Luisa superou ninguém menos que Maria Esther Bueno, maior nome da modalidade no Brasil, que detinha a marca graças ao 29º lugar alcançado em dezembro de 1976.

O Hall da Fama Internacional do Tênis indica que Maria Esther foi a melhor tenista do mundo nas temporadas de 1959, 1960, 1964 e 1966, ocasiões em que conquistou títulos de Grand Slam em simples e duplas. Na época, porém, não havia um ranking semanal.

Luisa Stefani alcançou o ranking com o vice-campeonato no WTA 1000 de Miami, nos Estados Unidos, no último dia 4, junto com a parceira norte-americana Hayley Carter quando foram superadas, na final, pelas japonesas Ena Shibahara e Shuko Ayoama, 2 sets a 0, em 1h24 de jogo.

A também tenista Beatriz Haddad Maia, número 331 do mundo em simples, foi campeã do W25 de Villa Maria, na Argentina, no último dia 4, ao superar a britânica Francesca Jones, número 200 do mundo, por 2 sets a 1, de virada, em 3h13 de jogo.

O resultado ainda será computado no ranking da WTA. Com os 50 pontos do título na Argentina, a brasileira retornará ao top-300. Em 25 de setembro de 2017, Bia chegou a ser a número 58 do mundo. Ela segue no país sul-americano para o W25 de Córdoba e depois viaja a Portugal, para duas competições na cidade de Oeiras.

Com a colaboração de Lincoln Chaves.

Edição: Adrielen Alves

Por Astrid Nick – Rio de Janeiro

Fonte: Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *