Error

Anvisa alerta sobre riscos no uso indiscriminado de medicamentos

A Anvisa está preocupada com as reações adversas que o uso indiscriminado de medicamentos pode provocar. O alerta está em comunicado divulgado pela agência nessa segunda-feira. O documento lista as situações em que o abuso pode ocorrer, entre elas a “automedicação”.

Ademar Carlos Augusto, do Conselho Federal de Medicina, diz que tomar medicamento por conta própria é arriscado e está mais grave com a pandemia.

Mas o comunicado também apresenta outra prática que pode resultar em vários efeitos adversos como a “falta de prescrição de acordo com as diretrizes clínicas baseadas em evidências científicas”. Para o presidente da Associação Médica Brasileira, Cesar Eduardo Fernandes, o comunicado marca uma posição da Anvisa em relação ao coquetel de medicamentos que tem sido preconizado no tratamento precoce da covid-19, o chamado kit covid.

Segundo o sistema de notificações de farmacovigilância da Anvisa, o número de registros de reações adversas pelo uso da Cloroquina saltou de 30 em 2019 para 242 em 2020, um aumento de mais de 800%. O medicamento também passou a encabeçar a lista dos medicamentos com maior número de reações adversas.. No comunicado a Anvisa também pede que médicos e pacientes relatem à agência efeitos adversos pelo uso de medicamentos.

Edição: Beatriz Arcoverde/ Roberto Piza

Por Eliane Gonçalves, Repórter da Rádio Nacional – Brasília

Fonte: Agência Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *